Novo Decreto-Lei da Micro-Geração

Já foi publicado o Decreto-Lei n.º 363/2007, de 2 de Novembro, que aprova o regime simplificado aplicável à micro-produção de electricidade, que vai entrar em vigor a 31 de Janeiro de 2008.

7 comments

  1. Finalmente. Apesar de tanto tempo ainda obrigam os utentes a comprar energia solar térmica, que me parece uma atitude um pouco coerciva. O solar tarda em Portugal e quando entra fá-lo por obrigação e não entendimento de que é útil.

  2. Nuno Santiago

    Esperar tanto tempo por isto! Tantos limites! Tantas condições! Estou extremamente desiludido.
    Quem pensará entrar no regime bonificado, investindo largos milhares de euros, quando poderá no máximo vender 797 euros por mês de electricidade? Como sempre, é uma boa Lei para os tubarões, que sem limites, venderão kW ao preço de venda da EDP.

  3. Luis Rodrigues

    Para todo o tipo de instalações deveria ser obrigatório um projecto de modo a que todos os materiais e equipamentos constantes do mesmo e mencionados numa memória descritiva pudessem estar sujeitos a um IVA idêntico assim como permitir desgravar no IRS o valor total sem restrições.

  4. Glauro Campello

    Me parece que tanto em Portugal quanto no Brasil, os tubarões sempre querem GARANTIR o melhor e maior pedaço do naco de carne. Porque 797 Euros de energia? Porque não 798? De onde e como chegaram a esse numero? e quem chegou sob oreintação de quem? Se a grande preocupação é reduzir os niveis de poluição, porque nao obrigar a comprar toda energia gerada pelos pequenos produtores de energia? Se eu quizer investir em um parque com pequenos geradores eólicos de digamos 500kwa, eu nao posso ganhar dinheiro, como um negócio qualquer? Eu nao vou estar contribuindo para a redução do deficit de energia em Portugal? Isso me parece um monopólio. Será o Parlamento Europeu não abre a boca tambem para dar um basta nisso?

  5. ando a pensar instalar uns paineis fotovoltaicos
    para a venda total de produção a EDP,mas tenho umas quantas reservas e vejo, que sendo de interesse nacional (segundo parece)não ha grande informação e apoio.
    digo.

  6. Simão Pedro

    meus Srs. todos se lamentam com o elevado investimento e com as limitações na venda, agora vejam o meu caso onde investi 30.000€ e não consigo vender porque a rede não tem condições de obsorver a energia que produzo, ou seja 3680W. quando reclamo com a EDP nem me dão resposta, o prazo bonificado a passar e eu com um bébe ao colo. Tenham atenção ao partir para as energias renovaveis que ao invés de ser um bom negócio pode ser uma dor de cabeça.

  7. maria bilotti

    mais uma vez a esperança foi-se dia 7 de setembro. 20 registos para fazer, zero e assim vai uma empresa ao ar. mais desemprego mais disilusão. tudo porcausa de um registo que só existe para alguns. este governo é feito de lobies, este governo é de intresses maiores pelo capitalismo. viva usa, só para alguns, não para todos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: