Carros híbridos com carregamento na rede eléctrica testados em Portugal

plug-1799

Portugal, a França e o Reino Unido vão testar na estrada 150 novos modelos híbridos Toyota Prius da terceira geração que permitem o carregamento das baterias de iões de lítio através de um cabo com a tomada ligada à rede eléctrica.

A adesão de Portugal ao Projecto PHV (Plug-in Hybrid Vehicle) é assinalada amanhã em Vila Nova de Gaia com a assinatura de uma parceria tecnológica entre a Toyota e a Galp Energia, e envolve a experimentação de 500 automóveis em todo o Mundo: 200 no Japão, 150 nos EUA e 150 na Europa.

A Galp Energia foi escolhida pela Toyota devido ao seu programa Galp Share (programa online de partilha do automóvel), que promove a mobilidade sustentável, e por ter sido a empresa pioneira no nosso país no desenvolvimento do primeiro posto de carregamento rápido de automóveis eléctricos.

A tecnologia híbrida plug-in utiliza em simultâneo a gasolina (ou gasóleo) e a electricidade na locomoção dos automóveis característica dos chamados puros híbridos, mas com a optimização das baterias através do carregamento directo na rede eléctrica.

No fundo, “é uma tecnologia inovadora que alia as vantagens da locomoção 100% eléctrica e zero emissões com a flexibilidade e autonomia das viaturas híbridas”, afirma um comunicado conjunto da Toyota Caetano Portugal e da Galp Energia.

A parceria tecnológica será assinada na sede do Grupo Salvador Caetano pelo presidente da Toyota Europa, Tadashi Arashima, e pelo administrador executivo da Galp Energia, Carlos Gomes da Silva.

No passado mês de Junho, Masatami Takimoto, vice-presidente executivo da Toyota, falou pela primeira vez neste projecto a um grupo de media europeus (entre os quais o Expresso) numa conferência em Nagoya, no Japão, onde reconheceu que “a comercialização de automóveis totalmente eléctricos em larga escala só será possível com o desenvolvimento de uma nova geração de baterias que exceda em muito o desempenho da baterias de iões de lítio actuais”.

Em todo o caso, Takimoto revelou que “os veículos híbridos plug-in do futuro poderão usar biocombustíveis e energia solar fotovoltaica, permitindo então concretizar o sonho da mobilidade totalmente livre de emissões de CO2”.

Expresso

One comment

  1. estes carro hibridos seram uma mais valia para quem quer um carro semi electrico etalvez deite por terra os electricos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: