Pacote de energia afirma Portugal como referência na economia sustentável

O Governo aprovou «um pacote de energia que afirma Portugal como país de referência na economia sustentável», afirmou o Secretário de Estado da Energia e Inovação, Carlos Zorrinho, no final do Conselho de Ministros de 21 de Outubro. O primeiro diploma estabelece metas de 31% de energia produzida por fontes renováveis e de 10% de uso no sector dos transportes para o ano de 2020, transpondo uma directiva da UE. O segundo, aprova medidas de incentivo à produção de biomassa, em linha com a estratégia nacional para as florestas. O terceiro, obriga as entidades públicas a conhecer e considerar os seus impactos energéticos e ambientais quando adquiram ou aluguem veículos, transpondo uma directiva da UE. O quarto diploma define os requisitos de concepção ecológica de produtos relacionados com o consumo de energia, promovendo a eficiência energética, transpondo uma directiva da UE.

Estratégia Nacional para a Energia para 2020, que esquadra estas medidas, tem como objectivos reduzir a dependência energética para 74%, reduzir em 25% (2000 milhões de euros) a importação de energia, e criar um cluster das energias renováveis que assegure um valor acrescentado bruto de 3800 milhões de euros e acrescente mais 100 000 empregos aos 35 mil já existentes.

Governo de Portugal

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: