Peças Lopes: «É totalmente impossível atingir 10% de carros eléctricos até 2020»

O director do INESC – Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores do Porto, João Peças Lopes, defendeu hoje que será impossível atingir a fasquia de penetração dos carros eléctricos, em 2020, garantida pelo Governo. «É totalmente impossível atingir dez por cento de carros eléctricos até 2020», afirmou o responsável, durante a sessão desta tarde da Expo Energia 2010, que reúne, em Lisboa, especialistas nacionais e internacionais do sector.
Peças Lopes acrecentou ainda que, «quanto muito», a frota automóvel portuguesa movida a electricidade representará apenas um ou dois por cento, mas a percentagem dependerá sempre das políticas. Na base destes cálculos está a frota anual de carros novos comprados todos os anos em Portugal.
O director da INESC sublinhou, na sua intervenção no evento, a importância da gestão activa da procura energética. Através da análise do comportamento expectável das cargas flexíveis na procura eléctrica, Peças Lopes acredita que o veículo eléctrico vai ser a carga com maior flexibilidade num cenário futuro. «Estamos a falar tanto do peso do carregamento na procura, como das características de armazenamento móvel», explicou.
Num cenário de gestão activa da procura, o responsável salientou ainda a importância da flexibilidade aliada a um valor de mercado, enfatizando novas perspectivas de mercado. «A gestão da flexibilidade [na procura] é um serviço prestado à rede e que permite a entrada de novos agentes responsáveis por esta gestão».
Preconizando estas mudanças necessárias na concepção das redes e das relações de procura/oferta, Peças Lopes lembrou o papel fundamental da contagem inteligente da electricidade (smart metering) e de novas arquitecturas de gestão e controlo. «É ainda preciso uma smart regulation», acrescentou, lembrando que tanto a nível português como europeu estão a ser desenvolvidas soluções para acomodar todas estas mudanças.

Ambiente Online

One comment

  1. Acho que o importante desse tipo de meta é fomentar e induzir o mercado a trabalhar nesta direção. Quanto mais longe estivermos da meta, mais temos que nos mexer e investir para tentar atingi-la, e assim podemos evoluir. Os carros elétricos são importantes e devem ser realmente desenvolvidos, isso é o que mais importa.
    Em meu Blog, também comento sobre estes assuntos… quem quiser, dá uma olhada em renowatt.com.br

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: